Documentação necessária para compra de imóveis para financiamento pela Caixa Econômica Federal:
Cópia do CPF, RG ou CNH; Carteira de Trabalho; Declaração de IR (se for o caso); Certidão atualizada de nascimento/casamento; Comprovante de endereço; Três últimos contracheques;
O FGTS pode ser usado para a compra do imóvel? Quais as exigências?
Sim. As exigências são: ter no mínimo 36 meses de contribuição, consecutivos ou não, não possuir outro imóvel na cidade, município limítrofe ou região metropolitana onde pretenda adquirir, não possuir financiamento habitacional ativo dentro do SFH em qualquer outro lugar do país.
Estou pendurado no SPC/Serasa. Posso contrair financiamento?
É necessário regularizar a situação primeiro.
Quem pode participar do Programa Minha Casa Minha Vida?
Podem participar pessoas ou famílias: com renda mensal de até R$ 5.000,00; que não tenham outro imóvel em seu nome; que não tenham participado de outro programa habitacional; que não tenham restrições cadastrais em seu nome
O que é o Programa Minha Casa Minha Vida operacionalizado pela Caixa?
É um programa habitacional lançado em 2009 pelo Governo Federal em parceria com os estados, municípios, empresas e movimentos sociais para a construção de novas casas e apartamentos para a população. É destinado a pessoas e famílias com renda de até 10 salários mínimos com concessão de subsídios, redução dos custos de seguro e acesso ao Fundo Garantidor da Habitação, que refinancia parte das prestações no caso de perda de emprego do tomador do financiamento.
O que é SAC – Sistema de Amortização Constante?
Trata-se do sistema atualmente mais utilizado pelos bancos e corresponde ao cálculo da prestação mensal do financiamento, composta de amortização e juros. Ao longo do prazo a amortização é constante, reduzindo o valor do principal. Como o valor dos juros é calculado com base no principal, este tende a ser decrescente. Assim, neste sistema a parcela inicial é maior, porém decresce ao longo do prazo. O Saldo devedor decresce a partir do 1º pagamento da prestação.
O que é Tabela Price?
As prestações mensais do financiamento calculadas neste sistema são constantes. Cada prestação é composta de uma cota de amortização e juros, que variam em sentido inverso ao longo do prazo de financiamento. A prestação inicial tende a ser menor, e só é aumentada em razão da aplicação da TR. Outro ponto importante a destacar, é que só se percebe diminuição do Saldo Devedor, com aproximadamente 50% das prestações pagas.
É possível ter 02 (dois) financiamentos, ou seja, se já tenho um posso obter outro?
Sim, desde que seja comprovada a capacidade financeira do proponente. Nesta situação NÃO É POSSÍVEL utilizar o FGTS para adquirir o segundo imóvel.
Quais são as taxas e impostos que incidem sobre a compra de um imóvel financiado?
Imposto: O ITBI - Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis é cobrado pela prefeitura local. É um imposto de competência do município, por isto o valor cobrado pode variar de um local para outro.
Eu posso adiantar algumas prestações do financiamento imobiliário?
Sim. Isto se chama amortização. O cliente pode, a qualquer momento, com recursos próprios ou do FGTS amortizar o saldo devedor, reduzindo o prazo de financiamento ou o valor das prestações, respeitado o limite estipulado na legislação vigente.
No caso de casais, é possível somar as rendas?
Sim, é aceita a soma de rendas para casais marido/mulher ou em união estável, noivo/noiva (proclamas), solteiro(a), viúvo(a). Demais situações são avaliadas caso a caso.
Os profissionais liberais ou autônomos podem solicitar um financiamento imobiliário?
Sim, mas precisam ter capacidade financeira calculada com base na renda apresentada e devidamente comprovada, de acordo com a exigência da instituição financeira que escolher para financiar seu imóvel.
Comprometimento da Renda Mensal
A parcela de renda ou salário comprometida para pagamento da mensalidade do financiamento é de até 30% da renda total bruta oriunda do tomador e participantes.

Envie-nos sua dúvida

2015 - Olavo Rocha - Todos os diretos reservados